O Último Mandamento

O que vocês fariam se soubessem que iriam morrer em breve? Não sei se alguém já passou pela situação de conviver com alguém que sabia que iria morrer em breve na cama de um hospital por exemplo, mas a forma de pensar dessas pessoas as vezes muda completamente e passam a ter um senso de urgência para fazer aquilo que é extremamente importante como se reconciliar com alguém ou passar mais tempo com a família e etc. pois sabem que o tempo está acabando e querem gastar o tempo com o que realmente importa.

Ok, mas o que isto tem a ver com o resto do texto? Só quero tentar ilustrar a urgência que Jesus tinha ao dizer as palavras “Um novo mandamento lhes dou: Amem-se uns aos outros. Como eu os amei, vocês devem amar-se uns aos outros. Com isso todos saberão que vocês são meus discípulos, se vocês se amarem uns aos outros”. (João 13:34,35). Se vocês lerem o capítulo 13 desde o começo vão ver que o contexto é justamente quando Jesus já se preparava para ser crucificando, era um pouco antes de Sua última páscoa, então Jesus começa a ensinar aos seus discípulos tudo aquilo que considera de mais importante e não poderia de forma alguma deixar seu ministério sem passar isto. É observando esse contexto que considero esses ensinamentos de EXTREMA importância.

Mas peraí, qual é a diferença entre “Amem-se uns aos outros. Como eu os amei, vocês devem amar-se uns aos outros” e “Amarás o teu próximo como a ti mesmo”??? As primeiras vezes que li essa passagem me passou batido e eu achava que Jesus só estava reforçando a importância do amor ao próximo e bla bla bla até que um dia eu tava lendo e … plin! Peraí : “Um novo mandamento…”, poxa Jesus não era burro, ele sabia que já tinha dito sobre amor ao próximo antes, sabia que isso não era novo exatamente, portanto esse novo mandamento tinha que ter diferença de “Amarás o teu próximo como a ti mesmo” e de fato tem e muita diferença.

A primeira diferença é que Jesus disse “Amarás o teu próximo como a ti mesmo” para os judeus ou para qualquer um que quisesse ouvir e no entanto este novo mandamento ele disse especificamente aos seus discípulos e ainda o fez como condição para ser cristão, “Com isso todos saberão que vocês são meus discípulos”, então a grande diferença entre um verdadeiro cristão e os demais é justamente este mandamento.

A segunda diferença é que neste novo mandamento Jesus não disse para nós fazermos aos outros o que queríamos que fizéssemos a nós mesmos e sim para sermos imitadores Dele, este mandamento não se limita a fazer o bem ou fazer “política de boa vizinhança” e sim em entender a mente de Cristo e agir como ele agiria. Ele aumentou e muito o “nível de dificuldade”, como falamos no meu post anterior até mesmo os ateus podem amar o próximo e fazer caridade, mas Cristo deu a vida por nós, nos amou a ponto de morrer por nós ou seja ele amou ao próximo bem mais do que a si mesmo. Aí é que ta o pulo do gato desse mandamento, “Amem-se uns aos outros. Como eu os amei, vocês devem amar-se uns aos outros”. Em outras palavras é tentar entender como Ele pensava e agir assim e isso meus amigos não é nada fácil.

Quer um exemplo? “Então Pedro, aproximando-se dele, disse: Senhor, até quantas vezes pecará meu irmão contra mim, e eu lhe perdoarei? Até sete? Jesus lhe disse: Não te digo que até sete; mas, até setenta vezes sete.” (Mateus 18:21,22) Adoro essa cena rs, Pedro estava justamente tentando imitar a Cristo, Jesus havia acabado de falar sobre perdão e Pedro faz a pergunta de quantas vezes devemos perdoar e ainda emenda um “Até sete?”, esse “Até sete?” era por que a tradição judaica mandava perdoar ao outro 3 vezes então Pedro aumenta esse número para 7, talvez Pedro estivesse esperando ouvir de Jesus algo do tipo “Magina, como você é benevolente Pedro, só três tá bom” mas ao invés disso Jesus diz: “Não te digo que até sete; mas, até setenta vezes sete.”. Não acredito que Jesus quisesse nos fornecer algum número cabalístico ou algo do gênero, senão ele teria dito algo como “490, Pedrão, toma uma agendinha pra você num perder a conta”, mas sim dar um esculacho em Pedro e mostrar a diferença entre a nossa natureza e a mente Dele. Deu pra sentir o drama? Não é fácil mesmo mas ser cristão é ser imitador de Cristo ou pelo menos morrer tentando.

Bem sei que temos nossa natureza que tende a pensar de outra forma e é difícil lutar contra ela mas como Jesus disse: “Se alguém quiser acompanhar-me, negue-se a si mesmo, tome diariamente a sua cruz e siga-me.” (Lucas 9:23) Temos que orar para que dia após dia tenhamos força para negar nossa natureza egoísta e conseguir amar ao outro a ponto de dar a vida por ele.

Que Deus Abençoe

Lucas Lainetti

Anúncios

Sobre Lucas Lainetti
Cristão teimoso em continuar seguindo Ele apesar da igreja rs, sobrevivente de evangelho pós moderno. Não sou teólogo, nem pastor, também não recebi nenhuma unção especial me tornando acima de alguém. Ás vezes sou um trabalhador ás vezes sou só um cidadão, ora amigo na alegria ora irmão na angústia, marido sempre feliz e orgulhoso da esposa. Mas em todo o tempo eu sou cristão tentando ser um sinal do reino fora do templo

5 Responses to O Último Mandamento

  1. Natália says:

    Amigos que bênçãos hien!! Essa veio do céu diretamente a você!!huahuahuhauha

    Ótimo texto, maravilhoso! Que o Senhor continue te inspirando.

    Fiquem com Deus, bjos.

  2. marianna says:

    que bênção! eu nunca tinha visto esse texto dessa forma! adorei o “magina, pedro, até três tá bom”, fui edificada. Deus te abençoe!

    • julinhans says:

      Olá Marianna,
      Obrigada pela sua visita! Ficamos mto feliz de vc ter nos visitado e ter saido abençoada! Temos orado para que isso ocorra aqui no blog!
      Volte sempre 😉
      Deus abençoe 😉

  3. LURDES FUZARO says:

    VALEU MAIS VALEU MUITO MEUS AMADOS SOBRINHOS ESSE TRABALHO DE VCS TEM NOS AJUDADO BASTANTE E ASSIM FICA BEM MAIS FACIL ENTENDER O QUE REALMENTE JESUS FALA E MANDA Q FAÇAMOS NAO É FACIL MAIS TEMOS Q DAR O MELHOR DE NÓS PARA SERMOS APROVADOS POR ELE. DEUS ABENÇOE A VIDA DE VCS ,AMEI A MENSAGEM CONTINUEM PR FAVOR BJS TIA LURDES

  4. Diana says:

    Essa tocou lá no fundo, rs…!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: